Navegar é preciso



Navegar é preciso

             Quando a noite chega durante uma corrida de aventura, tudo muda. Sabemos que nas próximas onze horas de escuridão as únicas referências que teremos serão o nosso mapa e a nossa bússola e a única certeza de seguir pelo caminho correto, será a precisão do nosso navegador.


             Numa corrida de aventura, além de correr, pedalar e remar por longas distâncias ainda temos que nos guiar, escolher a melhor rota, decidir se iremos por cima da montanha ou contorna-la, se faremos o caminho mais longo na trilha ou rasgaremos o mato com toda a valentia. Correr riscos ou ser conservador?            

              Toda equipe depende de seu navegador para mover-se com segurança e agilidade numa corrida de aventura. Navegar é uma arte e exige muito conhecimento, auto confiança e instinto. Estar no aqui e agora, identificar cada curva de nível em seu mapa em três dimensões, estar alerta e consciente o tempo todo são algumas das qualidades do navegador.

            Uma equipe pode ser fisicamente super preparada, mas quando não se sabe para onde está indo, quando não se lê as entrelinhas do mapa, o físico torna-se irrelevante. Dar um passo na direção errada é perder dois na direção certa e isso acumulado ao longo dos dias serão horas e horas!

            O tempo é precioso numa corrida de aventura e uma boa navegação levará a equipe à glória. Mas nem sempre o mapa e o navegador falam a mesma língua.

            A linguagem gráfica expressa na folha de papel lida por olhos cansados pode apontar na direção errada e aí é crucial o papel do restante dos integrantes do time. O navegador erra, todos nós erramos, e a motivação é a primeira coisa que deixamos de lado quando nos encontramos nessa situação. Diminuímos o ritmo, imaginamos outras equipes nos passando, lembramos das dores e do cansaço e nos esquecemos de que estamos sujeitos a cometer erros o tempo todo afinal, a equipe vencedora será a que menos errar.

            A corrida de aventura é análoga a vida. Erramos e isso é completamente normal. Corrigir os erros e seguir em frente da melhor forma possível, se manter motivado e motivar a todos é fundamental. Insistir no erro, pode ser um erro ainda mais grave!

            Manter a cabeça e o corpo funcionando a todo momento é um trabalho duro e para poucos. O navegador é valioso e deve ser tratado como tal, é papel dos outros integrantes auxiliar o navegador com seu equipamento e com a logística da prova, enquanto ele se preocupa inteiramente em estudar o mapa antes da largada. Quanto mais informações o navegador conseguir extrair do mapa, maior serão as chances de sucesso. Anotar as distâncias entre os PC"s ou até entre as bifurcações, destacar os rios que cruzaremos e identificar pontos de referência ajudará e muito na hora da competição. Porém nem sempre recebemos o mapa com antecedência, as vezes só o pegamos durante o percurso, em determinado PC e então todo esse tempo de estudo será resumido a alguns minutos e à impaciência do restante da equipe que quer sair andando seja lá para qual lado for.

            Todas essas variáveis são difíceis de prever antes da corrida, quando planejamos uma prova não estimamos o tempo que nos perderemos, ou que estaremos desmotivados, ou o tempo que o navegador levará para assimilar tudo o que vê no papel e ao vivo, os imprevistos irão surgir e iremos nos adaptar a cada situação da forma mais eficiente possível.

            Quando amanhecer, tudo se esclarecerá, os olhos sonolentos vão se abrir para mais um dia e avistando o horizonte será bem mais fácil interpretar o mapa. Os pássaros vão cantar e o sol que vai sair renovará a nossa motivação, a lanterna voltará para dentro da mochila e até que o sol se ponha novamente, manteremos o rumo com menos incertezas e unidos rumo a linha de chegada.





Deixe seu comentário:





+ postagens



Trilhe sua jornada
Trilhe sua jornada
A palavra aventura tem origem do latim Adventura que significa “por vir”, “por acontecer”.

saiba mais
Norteando a corrida de aventura
Norteando a corrida de aventura
Considerando os dias de hoje, cheios de conforto e conveniências, mordomias e tecnologia porque temos vontade de nos desafiar?

saiba mais
 A dúvida é mais útil que a certeza
A dúvida é mais útil que a certeza
Quanto desconforto você pode tolerar?

saiba mais
Um pouco sobre o Multisport
Um pouco sobre o Multisport
O multisport é o melhor treino físico para as corridas de aventura. Apura sua técnica para percorrer terrenos difíceis, deixa seu coração na boca o tempo todo e te ensina a fazer as transições o mais eficiente possível.

saiba mais

Palavra do Aluno